Categories Clean & Safe, Composição e Materiais, Etiqueta de Composição, Fardas, Manutenção e Lavagem

10 cuidados a ter nas lavagens da sua farda de trabalho

Posted on
10 cuidados a ter nas lavagens da sua farda de trabalho

 Uma apresentação cuidada da farda de trabalho é importante para o trabalhador e para a sua empresa. Manter a farda de trabalho em bom estado contribui para o conforto e segurança do trabalhador assim como também para a sua imagem pessoal e corporativa.

Vários fatores contribuem para a manutenção do bom estado da farda de trabalho e é por isso que é muito importante ter alguns cuidados antes da lavagem para que esta se mantenha impecável por muito mais tempo:

 

  1. Manchas na roupa são um alerta de saúde

Sabia que manchas de suor podem significar doenças? O ph da nossa pele pode ser um alerta para a nossa saúde. Se antes da lavagem detetar manchas nas zonas intimas ou abaixo dos braços pode significar que tem o seu ph alterado e isso muitas vezes é sinónimo de doenças ou presença de fungos. Manchas de cor cinzenta podem significar que está com o ph mais baixo, já as manchas amarelas pode significar ph mais alto. Nestes casos o melhor é aconselhar-se com o seu médico.

Mas não é motivo para alarmes! Primeiro verifique se a causa está no desodorizante que está a usar. Optar por um desodorizante sem alumínio reduz as possibilidades de ficar com a sua farda manchada no fim do trabalho.

 

  1. Verificar as etiquetas

Existem vários tipos de tecido e cada um reage de forma diferente a fatores externos como o modo de lavagem, a centrifugação, detergentes ou temperaturas.

Leia aqui o nosso artigo e fique um expert a decifrar as composições das etiquetas do seu vestuário.

 

  1. Não misturar as cores

O vestuário colorido pode soltar cor e consequentemente manchar as restantes peças. Por isso deve ser sempre feito um teste antes de serem colocadas em conjunto na máquina de lavar. Deve-se também evitar misturar tecidos coloridos com tecidos claros pois os tecidos mais claros tendem a manchar mais facilmente.

Já as roupas escuras não mancham com tanta facilidade, mas em contrapartida desbotam mais facilmente. É por isso necessário que estas sejam lavadas separadamente num programa de lavagem específico e com detergentes próprios para roupas escuras.

 

  1. Verificar os bolsos das fardas de trabalho.

 

Quando despir a sua farda de trabalho, verifique sempre os bolsos, pode ter algum acessório ou até mesmo dinheiro. Durante a lavagem, a fricção destes objetos com os tecidos pode resultar na danificação de ambos.

 

  1. Virar as peças do avesso

A lavagem da farda de trabalho é essencial para o seu bom estado. Mas saiba que todas as vezes que é feita a lavagem, gradualmente os tecidos ficam mais finos e podem rasgar ou ganhar borbotos.

Para evitar o desgaste dos tecidos das fardas recomendamos que vire sempre as peças do avesso.

  1. Fechos e botões

Para evitar que os fechos e botões se quebrem durante a lavagem, é importante mantê-los protegidos durante a lavagem na máquina de lavar roupa. Por isso aperte sempre os fechos e botões antes de colocar as suas fardas de trabalho a lavar.

 

  1. Ter atenção ao tipo de água

Em Portugal a água é tendencialmente mais dura no Sul do que no Norte. No entanto é sempre necessário ter atenção à sua máquina de lavar e usar periodicamente descalcificante para evitar o desgaste das máquinas de lavar e consequentemente a sua diminuição de capacidade de lavagem prejudicando também a sua farda de trabalho.

  

  1. Dosagem dos detergentes

Usar quantidade de detergente abaixo do recomendado pode resultar em fardas de trabalho com sujidade no fim da lavagem. Por outro lado, usar quantidades excessivas de detergente pode manchar a sua farda de trabalho. Por isso use sempre a dosagem recomendada pelos fabricantes de detergente e pelo seu fornecedor de fardas de trabalho.

 

  1. Contenção no uso de Branqueadores

A farda de trabalho está frequentemente sujeita a sujidades e manchas. Os branqueadores são por isso grandes aliados na remoção de nódoas difíceis.

Existem os branqueadores com e sem Lixivia, mas ambos danificam os tecidos. Os branqueadores sem lixivia têm na sua composição peróxidos que são compostos químicos reagentes. Por isso recomendamos o uso de branqueadores apenas quando seja mesmo necessário.

 

  1. Sacos Protetores

Algumas peças da sua farda se trabalho podem ser mais delicadas do que outras. Por isso, para mantê-las em segurança durante a rotação da máquina de lavar, opte por protegê-las em sacos protetores específicos para as máquinas de lavar a roupa.

 

Leia sempre com atenção as fichas de segurança que lhe são dadas pelo seu fornecedor de fardas e uniformes antes da sua utilização.

A Dauti é especialista em Uniformes e Fardas Profissionais desde 1999.

Para garantir que as fardas e uniformes dos nossos clientes se mantenham com a qualidade original por muito tempo, fornecemos um manual de utilização com dicas e cuidados de manutenção.

Já conhecia todas as dicas?

Faça-nos uma questão para comercial@dauti.pt.

Diga-nos aqui nos comentários qual dica gostou mais?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *