Categories Dicas Dauti, Equipamento Cozinha

As 5 melhores dicas para aumentar a durabilidade dos seus equipamentos de cozinha

Posted on
As 5 melhores dicas para aumentar a durabilidade dos seus equipamentos de cozinha

No momento de idealizar toda a estrutura de um restaurante, conseguir o espaço e montar a ementa constituem passos elementares para o sucesso de um restaurante.

No entanto, existe uma outra escolha que irá ter um elevado impacto no dia a dia agitado de uma cozinha de um restaurante – os equipamentos de cozinha.

Nesta aventura no mundo da Restauração é muitas vezes desvalorizada a importância de fazer uma escolha acertada e informada de qual o fornecedor e os equipamentos de cozinha deve optar.

O sucesso de um restaurante preende-se com a tomada de decisões corretas que no futuro irão trazer benefícios:

  • ao nível de produtividade da equipa;
  • qualidade dos pratos cozinhados;
  • e o aumento da durabilidade dos equipamentos de cozinha evitando,ter de substituir os seus equipamentos em curtos períodos de tempo e,consequentemente, ter mais despesas adicionais; 

A garantia de qualidade e durabilidade dos equipamentos de cozinha é dada pela marca Dauti, há mais de 10 anos a trabalhar com os melhores parceiros ao nível de utensílios e equipamentos para Restauração, Catering e Hotelaria.

Dauti é parceira exclusiva em Portugal das marcas Vega e Pulsiva, marcas líderes europeias nas áreas dos utensílios e equipamentos para Restauração,Catering e Bar.

Os especialistas Dauti desvendam as 5 melhores dicas para aumentar a durabilidade dos seus equipamentos de cozinha, descritas de seguida.

1.Qualidade dos equipamentos de cozinha

Qualidade e eficiência são dois fatores fundamentais quando o assunto é equipamentos para restauração. Estes fatores encontram-se diretamente interligados com o aumento da durabilidades dos aparelhos.

A escolha de equipamentos de cozinha de qualidade superior trazem consigo vantagens – como uma maior facilidade no processo de higienização – devido à qualidade do acabamento.

Ao escolher o equipamento pense sempre a longo prazo, planeie de acordo com o crescimento da sua empresa e e, consequentemente, o aumento  o número de refeições que pretende servir.

2. Limpeza dos equipamentos de cozinha

Para cada tipo de equipamento deve ser seguido à risca um conjunto de indicações específicas dadas pelo fabricante relativamente ao processo de limpeza dos mesmos.

Cada utensílio de cozinha têm as suas especificidades e, por isso, é necessário diferentes tipos de produtos de limpeza e metodologias de higienização.

A correta limpeza dos equipamentos de cozinha é um dos pontos base para garantir a durabilidade dos mesmos.

3. Tipo de material

No sector da restauração, os tipos de materiais mais utilizados para a confeção dos utensílios são: Silicone, Inox, Bambu, Metal e Cerâmica.

A maioria das cozinhas Portugueses optam por produtos em inox, sendo uma, das suas grandes caraterísticas a durabilidade, mas também são resistentes ao calor e não oferecem nenhum risco para a sáude, já que não libertam nenhuma toxina quando em contacto com os alimentos.

4. Higienização de todos as superfícies e aéreas da cozinha

Os móveis, equipamentos e utensílios que ficam em contacto direto com os alimentos não devem ser porosos, para não acumular resíduos e nem transmitir substâncias tóxicas.Da mesma forma, não são permitidas superfícies com rugosidades, trincas ou imperfeições, para não comprometer a limpeza.

A legislação recomenda que os utensílios sejam em materiais que não transmitam odores e sabores. Devem ter superfícies lisas, laváveis e impermeáveis.Desse modo, a higienização é facilitada e impede-se processo de desgaste.

5. Manuseamento correto dos equipamentos

Existe um conjunto de regras que deve ser seguido para garantir uma correta e segura utilização dos equipamentos. Seguir estas regras contribuem para aumentar o tempo de vida-útil dos equipamentos de cozinha. Alguns exemplos dessas regras são:

  • Verificar se os fios e tomadas elétricas estão em bom estado, para evitar choques;
  • Não trabalhar com roupas largas e soltas que possam prender às peças móveis da máquina;
  • Instruções ao lado de cada máquina para a sua utilização, limpeza e precauções a ter no seu funcionamento;

Depois de termos dado a conhecer as 5 dicas essenciais para garantir a longa vida dos seus equipamentos de restauração. Convidamo-lo a conhecer a marca Dauti e as suas coleções de utensílios e equipamentos no site para as áreas da Hotelaria, Catering, Restauração e Bar em https://www.dauti.pt/ 

Deixe a sua opinião sobre esta temática nos comentários abaixo.

Fontes:
https://www.dauti.pt

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *